quarta-feira, setembro 18, 2013

Dinheiro em cacho

Um dia, já no ano de 1927, Costinha (foto) sonhou que era milionário. Estava cheio das peles. Sentou ao piano e aproveitando a "bossa" fez uma marchinha chistosa, abundante de otimismo: "Dinheiro em cacho". A realização da cobiçada "árvore das patacas" que dizem estar plantada nos jardins da Casa da Moeda (Diário Carioca, de 7/2/1933).

Dinheiro em cacho (marcha, 1930) - Letra e música de Costinha (J. F. Fonseca Costa) -  Intérprete: Paulo Ribeiro, acompanhado pela Orquestra Victor - Disco selo Victor, 1930 - Gênero musical: marcha / marcha carnavalesca - Nº Álbum 33261 - Data lançamento 1930 - Lado A.



Assim, meu bem
Assim, querida
Podemos gozar a vida

Eu só queria ter um governo
Que desse ao povo
Dinheiro em cacho
E que surgisse
Um mundo novo
Com a terra em cima
E o céu embaixo.

Se por acaso tal acontecer
Que paraíso tão divinal
Então eu fico cantando e rindo
Na grande festa
O Carnaval.